TERAPIA

SISTÊMICA

TERAPIA SISTÊMICA INDIVIDUAL OU FAMILIAR

A terapia sistêmica é um procedimento psicoterapêutico que considera os seres humanos como parte de um sistema. Todas as pessoas em um sistema estão diretamente relacionadas, por exemplo, em uma família. Um sistema pode ser também a escola ou o ambiente de trabalho. Alterações em um sistema afetam todos os membros. Relacionamentos perturbados ou padrões de comunicação desfavoráveis ​​no sistema podem afetar a saúde mental de membros individuais.

O conceito central do método não é entender os problemas como um distúrbio de um indivíduo, mas como uma conseqüência de um distúrbio no ambiente social do indivíduo - isto é, o sistema. As interações entre a pessoa afetada e seu ambiente são o foco da terapia sistêmica.

 

Ao contrário de outras terapias, o foco não é encontrar as influências que o deixam doente. Na terapia sistêmica, o terapeuta assume que cada distúrbio também cumpre um propósito específico no sistema. Juntamente com o cliente ou com os clientes, ele procura descobrir a função dos sintomas no sistema.

Na terapia sistêmica, o terapeuta inclui cuidadores importantes no processo terapêutico. Por exemplo, mãe e filha podem comparecer juntas a sessão terapêutica. Uma vez que os problemas existentes forem discutidos abertamente no sistema familiar, novas tensões e problemas podem surgir, porém o terapeuta presente tem a possibilidade de observar a interação entre os membros da família diretamente e trabalhar mais efetivamente com todos os presentes. Assim, no setting terapêutico os problemas são tratados em conjunto e os resultados são trabalhados diretamente com as pessoas envolvidas.

 

 

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now